Visa Travel Money: O que é?

Visa Travel Money, ou VTM é um cartão pré pago, feito para ser utilizado em viagens internacionais.

Você o adquire no Brasil, carrega com créditos e usa esses créditos na sua viagem ao exterior. Pode usá-lo em estabelecimentos comerciais, como lojas, restaurantes, etc e também pode realizar saques m caixas eletrônicos.

VTM na Europa

Nosso astro Merenda fez um mochilão pela Europa e usou intensamente o Visa Travel Money (VTM) por lá.

O roteiro dele foi Amsterdam, Paris, Barcelona, Madrid e Lisboa e no nosso chopp e resenha pós-trip, ele me contou as facilidades e perrengues que passou com o VTM dele e de amigos que estavam viajando pela Europa no mesmo período.

Para usar como cartão de débito ou crédito ele não teve grandes problemas. Somente um ou outro estabelecimento fazia cara feia quando ele puxava o VTM para pagar, mas acabavam aceitando. O esquema, assim como nos EUA, é assinar o papelzinho que sai da máquina e, por vezes, a inserção de senha também se faz necessária.

Mas para sacar dinheiro no caixa eletrônico ele passou váááários perrengues!

Sacar dinheiro com o Visa Travel Money

Muitos caixas eletrônicos não reconhecem o Visa Travel Money do Banco do Brasil e o grande problema é que eles engolem o cartão (na Europa, você tem que enfiar o cartão inteiro dentro da máquina, não é como no Brasil que fica um pedaço para fora). Na hora que o cartão é engolido, você tem que bloqueá-lo e desbloquear o reserva.

E se acontecer o mesmo com o reserva? Aí, malandro, babou geral…

A coisa é tensa porque você só tem dois cartões VTM, o principal e o reserva, então só pode se dar ao luxo de ter o cartão bloqueado uma vez…

Então como faço pra sacar dinheiro com o VTM do Banco do Brasil na Europa?

Bom, tem um macete que funciona e salva a galera.

As dicas que te salvarão

Procure um banco e não caixas de rua. Aí, antes de sacar, pergunte a um funcionário se é possível que eles abram a máquina e te devolvam seu cartão se ele ficar travado. Em alguns bancos isso é possível e você não fica sem seu precioso cartão.

Outra dica importante é: Assine o verso do seu cartão VTM de forma idêntica à do seu passaporte (os cartões VTM não possuem o nome do proprietário gravado como nos cartões de crédito) e se você precisar sacar dinheiro fora do horário do expediente do banco, terá como provar que o cartão é seu quando for resgatá-lo no dia seguinte se ele ficar travado.

Todos os VTMs?

Ao que parece, só o VTM do Banco do Brasil tem esses problemas. Talvez por ser sem chip e feito com um plástico transparente, os caixas eletrônicos não os reconhecem e os engolem. O fato de ser sem chip também tem o inconveniente de não ser aceito em algumas lojas e agências de venda de tickets de trem.

Vamos tentar descobrir se isso acontece só com os VTMs do BB ou se é com todos.

Você também passou veneno com seu VTM do Banco do Brasil na Europa? E você que tem um VTM de outro banco, como foi usá-lo na Europa? Conseguiu sacar numa boa? Conte aqui nos comentários.

VTM-visa-travel-money
VTM

18 comments

  1. Esse mundo é pequeno! Estava pesquisando sobre VTM e me deparei com esse blog na primeira sugestão do Google!
    Quando fui ver o autor é o My Son Daniel!!
    Ia fazer o do BB mas vou fazer pelo Banco Rendimento que emite com chip e com o meu nome!
    O conteudo do Blog tá muito bom!
    Abs
    UP THE IRONS!

  2. Ei Daniel eu e Marçal passamos perengues semelhantes com nossos super travel money!! Um ficou preso lá em Amsterdã e os caras foram super nojentos quando ligamos para o banco para tentar pegar o cartão de volta….daí ligamos para o Brasil e bloqueamos aquele cartão! Feito isso seguimos para Turquia…lá tivemos nosso segundo cartão engolido já no aeroporto (mais uma ligação para o Brasil para bloquear!!). Depois disso passamos a sacar grana só em bancos com caixa eletrônico e numa agência perto do Grand Bazar tivemos que pedir ajudar e eles abriram a máquina para nos devolver o quase 3 cartão engolido!!! 🙂

    1. É Drica, esses VTMs já fizeram muitos passarem perrengues…

      Mas me fala uma coisa: Vcs tinham 3 cartões??? Não são só 2 (o principal e o reserva?)

      Abraços

    1. É bizarro esse lance de a máquina engolir o cartão, né???

      Marcello, aproveite sua viagem e muito cuidado com o cartão reserva, pois agora é só ele…

      Abraços

    2. Marcello, vc pode me dizer se o seu cartão é transparente? Eu falei com o BB e eles me disseram que estão trocando por cartões opacos, o que resolveria o problema.

      1. Oi Alessandra,

        Pode ser que o problema seja por isso mesmo. Talvez a troca por cartões opacos resolva. Precisamos testar pra ver, mas agora os cartões pré-pagos não são tão vantajosos, pois pagam o mesmo imposto que os de crédito.

        Abraços

  3. Pessoal!! Alguém tem informações atualizadas sobre a recusa do VTM do BB por falta de chip e nome impresso? Ou, ainda, sobre máquinas que engolem cartões? Estou indo para Lisboa, Amsterdã e Paris e com todinho meu dinheiro num VTM do BB. Abraço

      1. Daniel,
        Você já conseguiu alguma informação atualizada?
        Estou na mesma situação que o Giuliano,só que vou para os EUA…Será que agora sendo totalmente opaco o problema foi resolvido?

      2. Izabela,

        Não tive mais notícias desses cartões. A verdade é que deixaram de valer a pena depois que começaram a ser taxados iguais aos cartões de crédito.

  4. Daniel,
    Estou em Amsterdã desde ontem e volto para o Brasil, domingo.
    Já tive problemas no comércio com o VTM contratado no Itaú, ontem.
    Hoje vou tentar sacar, mas vou em algum banco, em razão das dicas acima.
    Agora na França e Itália, sem nenhum problema.
    Abraços
    Motta

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *