Você conhece a importância do Seguro Viagem Internacional? Essa pequena “despesa” extra, também conhecida como Seguro Saúde Internacional, pode ser a diferença entre aproveitar sua viagem ao exterior ou vê-la se tornar um pesadelo por conta de um imprevisto.

Todos nós estamos sujeitos a um acidente ou a problemas de saúde a qualquer momento, não é mesmo? Também podemos passar aperto com problemas jurídicos, extravio de bagagem, cancelamentos de voo e coisas do tipo. Esses eventos não escolhem pessoa, hora nem lugar para acontecer. E quando não estamos em nosso país, eles tendem a ser muito mais complexos de resolver.

É para momentos como esses que o Seguro Viagem Internacional existe. Ele vai te poupar bastante tempo e dor de cabeça, e inclusive é obrigatório em inúmeros países, como os europeus que estão no Tratado de Schengen, aquele que permite a livre circulação entre as nações signatárias.

Mas independentemente de ser obrigatório ou opcional, é extremamente importante que seja adquirido.

 

Como funciona o Seguro Viagem Internacional?

O Seguro Viagem Internacional é tipo um plano de saúde temporário, que dura enquanto o assegurado está viajando para o exterior. Como os planos de saúde nacionais não possuem validade em outros países, cabe a ele garantir o atendimento adequado e a indenização em casos de doenças, acidentes e até mesmo falecimento.

É importante que você saiba que, caso precise de atendimento médico no exterior, quase nunca haverá garantias de cobertura adequada. Como se já não fosse ruim o bastante ter que passar um tempo da sua viagem no hospital, a dor de cabeça só aumenta quando a conta chega.

Posso usar o sistema público de saúde no exterior?

Em alguns países, os turistas até podem ser atendidos no sistema público de saúde. Porém, destinos cobiçados por brasileiros como Estados Unidos e Europa permitem o uso exclusivo para cidadãos.

Não que os turistas não possam ser atendidos nos hospitais públicos, mas o serviço não é gratuito (pelo contrário, pode ser bem caro). Como nenhum seguro viagem é mais caro que os gastos com hospitais no exterior, o mais prático é que ele seja adquirido. Na verdade, em média, um seguro viagem é mais barato que uma simples consulta no médico.

Qual a cobertura dos seguros? 

Para se ter ideia da abrangência deste benefício, confira abaixo a lista do que um seguro viagem geralmente cobre:

  • Emergência médica que resulte em interrupção ou cancelamento da viagem;
  • Localização de bagagem extraviada e indenização em caso de perda;
  • Atendimento médico e odontológico 24 horas por dia;
  • Visita para o segurado que estiver hospitalizado;
  • Acompanhamento médico para hospitalização prolongada;
  • Hospedagem após alta do hospital;
  • Despesas farmacêuticas;
  • Remarcação de passagem para regressar;
  • Indenização quando houver invalidez total ou parcial;
  • Assistência funeral;
  • Repatriação médica e funerária – ou seja, dá ao segurado o direito de regressar ao Brasil tanto por doença quanto por óbito;
  • Indenização para casos de morte;
  • Despesas jurídicas, que inclui pagamento antecipado de fiança.

A lista acima mostra o que é normalmente coberto pelos seguros, mas existem diferenças de um tipo de seguro para outro.

Casos Especiais

O mercado está repleto de pacotes dos mais diferentes tipos e que cobrem diversos problemas.  Para casos específicos como esportes (esqui, snowboard, mergulho, escalada, surf, etc) há seguros especiais. Maiores de 70 anos, mulheres grávidas e pessoas com doenças pré-existentes normalmente necessitam de um seguro especial também.

Quanto tempo dura o Seguro Viagem Internacional?

Quem decide isso é o cliente no momento em que contrata o serviço com uma seguradora. Porém ele deve ter, no mínimo, o mesmo tempo da viagem.

Mesmo assim não deixe de se prevenir e prolongar em alguns dias esse seguro, já se protegendo de possíveis imprevistos.

melhor seguro viagem

Quais países exigem o Seguro Viagem Internacional?

A maioria dos países não exige o seguro, mas em alguns, o Seguro Viagem Internacional é obrigatório e suas regras de cobertura são específicas.

Seguro Viagem na Europa

Na Europa é obrigatório ter um seguro viagem e ele deve cobrir pelo menos 30 mil euros em assistência médica, segundo o Tratado de Schengen, que abrange 25 dos 50 países do continente. Viajar para lá sem o seguro pode resultar em extradição.

As nações que exigem o Seguro Viagem Europa são as seguintes:

  • Alemanha;
  • Áustria;
  • Bélgica;
  • Dinamarca;
  • Eslováquia;
  • Eslovênia;
  • Espanha;
  • Estônia;
  • Finlândia;
  • França;
  • Grécia;
  • Holanda;
  • Hungria;
  • Islândia;
  • Itália;
  • Letônia;
  • Lituânia;
  • Luxemburgo;
  • Malta;
  • Noruega;
  • Polônia;
  • Portugal;
  • República Tcheca;
  • Suécia;
  • Suíça.

Além desta lista, Bulgária, Chipre, Liechtenstein e Romênia estão na fase de transição para fazer parte do tratado e já exigem o Seguro Viagem Europa nas mesmas condições que os demais países. O mesmo vale para o Reino Unido, mesmo ele não fazendo parte do Tratado de Schengen.

Europa 1

Seguro Viagem na América Latina

Na América Latina, apenas dois países exigem o Seguro Viagem Internacional: Cuba e Venezuela.

Para a Venezuela, a seguradora deve cobrir pelo menos 40 mil dólares de assistência médica. Já em Cuba, o valor é menor, necessitando cobrir no mínimo 10 mil dólares e o serviço pode ser contratado assim que o turista desembarca no país.

Seguro Viagem nos Estados Unidos e Canadá

Os Estados Unidos e o Canadá não exigem o Seguro Viagem, mas como já foi dito anteriormente, os custos com assistência médica são absurdos (é possível que turistas gastem mais de 20 mil dólares com atendimento), então recomendamos fortemente a contratação de um seguro para sua viagem para esses países.

Seguro Viagem na Austrália

Do outro lado do mundo, a Austrália tem um processo um pouco diferente. Para turistas, o Seguro Viagem Internacional não é obrigatório, mas para os estudantes estrangeiros ele existe e é específico.

Eles devem contratar o OSHC (Overseas Student Health Cover), que garante cobertura básica com hospitais, ambulâncias, médicos e emergência no sistema público de saúde.

 

De qualquer forma, sempre que for viajar para o exterior, não deixe de conferir se o país ou países que serão visitados exigem que brasileiros contratem algum tipo de seguro e quais são as condições mínimas para eles serem aceitos.

Qual o valor de um Seguro Viagem Internacional?

Assim como qualquer tipo de seguro, o de viagem tem valor variado de acordo com aquilo que o contratante deseja. Seja lá qual for o pacote que você escolha, é praticamente impossível que ele seja mais caro do que os custos que talvez apareçam em um atendimento particular.

Hoje em dia, para uma viagem de uma semana, o valor mais baixo está na casa dos R$ 67 para a Europa e R$ 87 para os Estados Unidos.

Aqui você pode fazer uma cotação de seu seguro viagem internacional.

Como adquirir o Seguro Viagem?

A maioria das empresas oferece o serviço de contratação do seguro pela internet. Existem então os sites das seguradoras, para você contratar o seguro diretamente, e o das empresas que fazem busca por diversas seguradoras.

Listamos abaixo as principais seguradoras e buscadores:

Buscadoras

  • Seguros Promo
  • Real Seguro Viagem
  • Multi Seguro Viagem
  • Compara Online
  • Assistente de Viagem

Seguradoras

  • Porto Seguro
  • Allianz-Mondial
  • Itau
  • Assist Card
  • SulAmérica
  • Vital Card
  • Bradesco Seguros
  • Caixa Seguradora
  • Easy

O formato de buscadoras nos parece mais interessante, pois podemos fazer a comparação dos tipos de cobertura e preços de várias seguradoras.

Dentre as listadas, recomendamos a Seguros Promo, que após a busca, mostra um quadro comparativo bem intuitivo e fácil de entender, assim você pode escolher o seguro mais adequado para sua viagem.

Para fazer a simulação do seu seguro com a Seguros Promo clique aqui.

Uma grande vantagem é que todo o processo é feito pela internet, com agilidade e conforto. E como somos parceiros da Seguros Promo, oferecemos 5% de desconto para nossos leitores. É só inserir o código UMPV5.

Empresas de Cartão de Crédito

Outra forma de adquirir seu seguro viagem é através das empresas de cartão de crédito Visa ou Master Card. Para seus cartões mais top, tipo Platinum ou superiores elas oferecem seguro viagem gratuito se você comprou sua passagem com o cartão.

É importante ler o contrato para saber os detalhes da cobertura a que se tem direito. Caso ache interessante, você deve gerar a apólice e estará assegurado.

Vale a pena usar o seguro do cartão de crédito?

Até vale, mas isso vai depender muito da sua viagem. Você pode comparar o seguro do cartão de crédito com o de uma seguradora para tomar sua decisão. Como o valor do seguro com empresas especializadas é baixo em relação ao custo de uma viagem, acreditamos que é normalmente mais interessante contratar uma empresa especializada, como a Seguros Promo.

 

Seguro Viagem Internacional x Assistência Viagem

É comum que, quando se está procurando um seguro para viajar, estes dois termos sejam encontrados. E por mais que eles sejam parecidos, existem importantes diferenças.

Com um Seguro Viagem você terá que pagar pelas suas despesas médicas e depois será reembolsado pela seguradora, de acordo com as regras que contratou. Normalmente você pode ir a qualquer hospital, sem se preocupar com a rede conveniada.

Para ter seu reembolso, terá que apresentar os comprovantes dos gastos, tudo conforme seu contrato, por isso é bom ler todo o contrato para ficar sabendo o que deve fazer no caso de precisar usar o seguro.

Usando uma Assistência Viagem é necessário entrar em contato com a seguradora para que ela libere o atendimento. Os gastos serão pagos pela seguradora. O ponto negativo é que a companhia contratada é quem decide em quais hospitais você poderá ir, exceção a casos de emergência.

Algumas seguradoras oferecem os dois serviços no mesmo plano, sendo assim um seguro mais completo.

Onde deixar o Seguro Viagem Internacional durante a viagem?

Ele deve ficar sempre junto aos seus pertences, desde o momento em que se está embarcando. Muitas vezes já no processo de imigração ele pode ser solicitado pelo agente que está te atendendo. Não apresentá-lo neste momento pode gerar transtornos para você e até fazer com que a sua entrada seja negada.

Então, é muito importante que o contrato e os telefones de emergência andem com você para qualquer lugar que vá. Como imprevistos não fazem aviso prévio, nunca sabemos quando eles serão necessários.

Preciso usar o Seguro Viagem Internacional. Como proceder?

Se você precisar de qualquer auxílio o primeiro passo é contatar a seguradora contratada. Normalmente esse contato é feito por telefone e você será atendido em português, se contratar uma empresa com escritório no Brasil. Depois, siga as instruções que receber.

Se sua modalidade de seguro for a assistência viagem, a seguradora te indicará onde ir ou providenciará socorro onde você estiver.

Caso você tenha contratado um seguro viagem na forma de reembolso, eles te darão instruções sobre que comprovantes terá que pegar para que seja reembolsado.

Que tipo de Seguro Viagem eu contrato?

O primeiro ponto para escolher o seu Seguro Viagem Internacional é observar as exigências que o seu país de destino faz. Alguns deles possuem regras específicas para liberar a entrada de turistas. Mas fique tranquilo quanto a isso, já que as empresas que vendem este tipo de serviço já possuem experiência e sabem informar o que é necessário para cada lugar do mundo.

Depois que você já garantiu o mínimo necessário, fica a seu critério decidir o que mais entrará no pacote. E não se esqueça: quanto mais cobertura, mais segura estará sua viagem.

Se planos mais completos couberem no seu orçamento, não hesite em contratá-los. Viajar oferece vários riscos e é sempre bom estar preparado para todos eles.

O mercado é muito diversificado e oferece seguros de todos os tipos e para quase todas as coisas. Inclusive, você pode assegurar aparelhos eletrônicos, roupas e todos os demais pertences comuns às bagagens.

Se você viaja para praticar esportes radicais ou encarar umas aventuras, ter um seguro saúde é mais do que necessário, já que nestes casos o risco de um acidente é ainda maior. Estes seguros envolvem um atendimento completo, com exames, cirurgias, internações, remoções, entre outros. Mas lembre-se de contratar um seguro específico para esses casos.

Este é só um exemplo de plano “alternativo”. Sempre que a sua viagem sair um pouco do comum, procure uma empresa que garanta uma cobertura completa para a sua necessidade fora do Brasil.

Tive problemas com o seguro. O que fazer?

É raro que isso aconteça, mas sempre que tiver algum problema com o Seguro Viagem quando estiver fora do país, a melhor maneira é tentar resolvê-lo de forma direta. Ligue para quem te vendeu o serviço e tenha todos os documentos em mãos para agilizar o atendimento.

Se o seu problema não for resolvido mesmo assim, o próximo passo é entrar em contato com a SUSEP (Superintendência de Seguros Privados), órgão responsável por regulamentar as empresas que vendem seguros privados no Brasil.

Porém, principalmente em casos de emergência, o jeito mais rápido de conseguir solucionar qualquer questão é através da comunicação direta com a companhia que te vendeu o Seguro Viagem Internacional.

Preparar-se é o diferencial!

Como deu para perceber, o Seguro Viagem Internacional é muito importante para a sua viagem e é o que pode fazer a diferença durante o tempo que você estará fora do Brasil. Então, não deixe de dar a devida atenção a esse ponto enquanto está preparando a sua viagem.

Para conhecer todas as coberturas e fazer uma cotação de seu Seguro Viagem Internacional com a Seguros Promo, clique aqui. Após a cotação você pode adquirir o seguro na mesma página de forma ágil e segura, mas não deixe de usar o código UMPV5, que é parceria do nosso blog, e ganhar 5% de desconto.

 

Gostou das nossas dicas sobre Seguro Viagem Internacional? Não deixe de comentar o que achou do artigo, compartilhe com seus amigos e siga nosso blog nas redes sociais para receber mais guias como esse!

Se já teve que usar um seguro saúde internacional em alguma viagem, conta aqui nos comentários como foi.

2 comments

  1. Ótima postagem sobre seguro de viagem, um tema que gera muitas dúvidas. Abordou bem os principais tópicos do assunto esclarecendo diversas dúvidas que eu tinha. A diferença entre seguro viagem e assistência viagem é um ponto muito importante.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *