Se você é brasileiro e quer ir à China, vai ter que ter visto. Mas é tranquilo de tirar e aqui eu vou explicar como se faz.

Se estiver com muita preguiça de ler o post, pode assistir a esse vídeo que também explica direitinho.

Qual China?

A primeira coisa que você precisa saber é pra qual China vai.

Como assim qual China?!?

A China tem umas divisões diferentes das que conhecemos por aqui, com cidades-estado, regiões administrativamente autônomas e etc. E o esquema de visto é diferente para as diferentes regiões, por isso que, dependendo do seu roteiro, terá que ter mais de um visto ou nenhum visto.

Cidades que não precisam de visto

Hong Kong e Macau não precisam de visto (de turista). Você pode ficar até 90 dias nelas como turista. Elas são cidades-estado, com administração e moeda próprias e basta ter o passaporte válido (com data de expiração de, no mínimo, 6 meses e folha em branco pro cara da imigração carimbar). Então, se você vai viajar só para essas duas cidades, tá tranquilo!

Territórios com visto especial

Se for para Taiwan, você vai precisar de um visto especial para lá.

Outro território que exige um visto especial (ou permissão de viagem – travel permit) é o Tibet.

Eu só sei desses dois, pois são os mais famosos, mas podem haver mais territórios que exijam algum tipo especial de visto, então vale a pena se informar se é necessário algum tipo de visto para as cidades que você pretende visitar na China.

China (Mainland)

A China “clássica” – República Popular da China (PRC), ou Mainland, como falam por lá, corresponde a maior parte do território. É a China continental e engloba as cidades de Pequim, Xangai, Chengdu e Cantão (Guanzhou), entre muitas outras.

Para ir pra lá, você vai precisar de visto, que pode ser tirado nos consulados ou embaixada da China no Brasil, com a seguinte jurisdição:

  • Passaportes emitidos no Rio, Minas, Bahia e Espírito Santo são atendidos pelo consulado do Rio;
  • Passaportes emitidos em São Paulo, Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul são atendidos pelo consulado de São Paulo;
  • Passaportes emitidos nos estados do Nordeste, com exceção da Bahia são atendidos pelo consulado de Recife;
  • Passaportes emitidos nos demais estados são atendidos pela embaixada em Brasília.

O meu foi tirado no consulado do Rio, que fica na Rua Muniz Bareto, 715 – Botafogo. É pertinho do metrô (Estação Botafogo), mas também dá pra ir de carro. Nesse caso, pare no Botafogo Praia Shopping (que é praticamente do lado), pois se for procurar vaga de rua em Botafogo, tá f*dido…

Eles funcionam para atendimento ao público de segunda a sexta, de 9:00h às 12:00h.

Documentos necessários para o visto de turista (L)

  • Passaporte
  • 1 foto 3×4
  • Formulário de solicitação de visto preenchido, com a foto colada. Baixe aqui o formulário.
  • Comprovante das passagens de ida e volta
  • Reserva dos hotéis

Eu li no site da embaixada que também é necessário comprovante de renda e li em alguns blogs que também pedem roteiro da viagem e xerox do passaporte, mas no meu caso esses três documentos não for necessários. Eu até levei, mas a moça do consulado não me pediu. De qualquer forma, não custa nada levar. Se te pedirem, você vai ter e não terá que ir num outro dia para levar esses documentos.

Chegando lá no consulado, pegue a senha e torça para estar vazio…

Quando for atendido, eles vão ficar com seus documentos e te dar um papelzinho rosa para você pagar no Bradesco. Tem que ser na boca do caixa, não tem como ser de outro jeito, então se prepara…

O valor vai depender do número de entradas na China.

Papelzinho pra você pagar no banco

Número de entradas

Visto para uma única entrada (válido por 3 meses): R$ 160,00

Visto de duas entradas (válido por 6 meses): R$ 240,00

Visto de múltiplas entradas (válido por 6 meses): R$ 320,00

Visto de múltiplas entradas (válido por 12 meses): R$ 480,00

E fique atento, pois passar por Hong Kong, Macau e Taiwan é considerado sair da China, por exemplo:

  • Se seu roteiro for Cantão-Hong Kong-Xangai, você entrará na China duas vezes. A primeira quando chegar em Cantão e a segunda quando chegar em Xangai, pois você saiu da China quando foi para Hong Kong.
  • Se seu roteiro for Hong Kong-Taipei-Xangai-Pequim, você entrará na China somente uma vez, quando chegar em Xangai, já que Hong Kong e Taipei (capital de Taiwan) não contam como entrada na China.

Em quanto tempo o visto fica pronto?

O visto fica pronto em quatro dias úteis e se pagar a taxa de urgência (R$ 90,00), fica pronto em três dias úteis. Aí é só levar o comprovante de pagamento no consulado ou embaixada e pegar o passaporte com o visto.

Situação especial: Isenção de visto (trânsito de 72 horas)

Você é isento de visto se for ficar até 72 horas nas cidades de Pequim, Xangai, Chengdu e Cantão (Guanzhou) desde que depois saia para outro país, diferente do país que veio. Neste caso só é permitido ficar na cidade em que chegou.

Visto para entrar na China

Nesse post a Thaís Towersey, do blog Guia Mundo Afora, fala sobre como é tirar o visto em São Paulo, e nesse aqui, a Ana Catarina Portugal, do blog Turista Profissional, dá dicas pra quem vai tirar o visto e é estrangeiro residente no Brasil. Aqui, o Rodrigo, do blog Fora da Zona de Conforto conta como visitar o Tibet sem o travel permit.

Reserve seu hotel no Booking pelo link abaixo. Você não paga nada a mais por isso e ainda nos ajuda!